Universidade Sénior do Seixal

Posts na categoria Literatura

Poema-Indagação

Perguntei ao céu sulcado     De nuvens em colisão, A razão da própria vida, E, porque andamos à deriva, Num mundo sem solução? O céu muito indignado, Com sua voz de trovão, Responde em tom magoado: Tu, que és da terra do fado, Não conheces a razão?            Conceição Tomé   […]

Poema – O meu jardim

Eu tenho no meu jardim  Flores muito preciosas:  Três cravos e um jasmim  E um lindo ramo de rosas.

Poema – Sonho Fugidio

De ledas margens era feito o rio Que me levou para lá dos montes, À procura de um sonho fugidio, Que não se rendeu ao rumor das fontes.   Por ele fiquei em constante alerta, Por céus e mares em vão o procurei Como gaivota em tempestade aberta, E, no desencontro, sem rumo fiquei.   […]

Poema – O retrato

Os pedaços de uma vida procurei Num velho baú já desgastado E bem lá no fundo eu encontrei Um retrato tão velhinho desbotado. Ali estava aquela vida já passada Que o tempo alucinante fez esquecer Lembrança lá no fundo bem guardada Que passados tantos anos fui rever. Amarelo e ressequido pelo tempo Por momentos o […]

Poema de Aniversário

Hoje, rasguei mais uma folha do livro da minha vida.  Vou rasgando, rasgando até a ultima folha, Nesse dia, ficarei só com a capa desse mesmo livro.  Nessa altura, chegarei até ao fim da etapa que me foi atribuída. Helena Brito  

A Unisseixal brilha em concurso liter...

A Unisseixal brilha em concurso literário

O culto das letras está a dar os seus frutos. Com efeito, nos jogos florais promovidos pela Associação de Professores de Almada e pela Usalma, a nossa Universidade foi a mais bem classificada, tendo obtido os seguintes prémios: 1º lugar em poesia (Francisca São Bento), 2º lugar em poesia (José Caetano), 1º lugar em conto […]

Poemas-Alunos de Poesia

Nb: Para melhor leitura expandir a apresentação (Ecrã inteiro) e poderá também ouvir um pouco de música no registo abaixo.         

Seixal

Sempre com grande fervor Seixal a tua baía Ilumina o rio Tejo Para mim é triste o dia   Que tua água não vejo Tuas quintas têm fama De serem todas tão belas Uma enorme riqueza Se encontra em todas elas.   O rio judeu por ti passa O Tejo vai encontrar E dando ar […]

Criança

 Criança que brincas, Corres sem cessar A todos fascinas Quando vais a passar. Com tua voz doce Falas a verdade, Com olhar sincero  Mostras lealdade. Dás-nos alegria E tua bondade. Transmites-nos calma E tranquilidade. Em jardins floridos Andas a saltar Tens sonhos coloridos Sorrisos p’ra dar.        Helena Brito          2016-09-29 http://slide.ly/view/ef96eff946c41a04bb934f0cf35c6c04

Tertúlia Poética

Semana de Comemorações do X aniversário da Unisseixal Lançamento do livro “Momentos Poéticos”  Foram 17 os alunos que ali deixaram o fruto do seu estro, com alguns textos a serem relevados em público por colegas com muito boa arte de dizer. Mas, antes, já o Coro Polifónico da Unisseixal deliciara a assistência com três canções do […]

Comentários recentes

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com